A NOSSA CASA
©Ferdinando
 
A nossa casa vestida de branco
feita de alicerces fortes de amor
no beiral, morava um velho  banco
que nos chamava em dias de calor!
 
No distante, o azul etéreo olhava a vida
como manto de sonho, em meigo brado
fazia cada dia, a fogueira mais crescida...
reino de amor que a vida fez dourado.
 
As borboletas brincando sobre o prado
abundavam o nosso sonho acordado...
brisa do longe, aquecendo o coração!
 
Quando sol nos beijava meigamente
tu pintavas o nosso mundo ternamente
com beijos quentes que sabiam a pão!...
 
Germany 20-07-08