COMO TE DESENHO!
Ferdinando©
 
Matizei o céu para te ofertar
Modelei-te de amor e de beldade,
Do sol, fiz a luz do teu olhar,
Na fiel dimensão da liberdade.
 
Fiz-te Deusa nas noites de luar
Nascidas em amorosa claridade,
Fazemos do teu peito o meu altar
Em juras, na ermida da saudade...
 
Acendemos o futuro num sorrir,
Num cândido murmúrio a pedir,
A janela em panorama de futuro!
 
Como te fiz, te quero, e te amei,
Teu corpo é o mar que naveguei...
- Infindo leito, do azul mais puro!
 
Germany  28-02-10