IMEDIATO NEGATIVO
Ferdinando©
 
O tempo fala de sangue, órbita morta
As árvores cantam súbita discórdia
Lábios tremulam o amanhã.
 
A vida tem olheiras, dizem nuvens
Anunciando segredos na distância,
O idílio que se cale em estátua,
No seio transversal de cada fraga...
 
O cipreste que nos sombreia
Presta um teor conceituoso,
Entardece o distante carregando
Um memorável complexo,
 Que na dúvida se faz fronteira.
 
Germany 22-10-09