LONGE NO MAR
©Ferdinando

Sei que habitas entre o sol e o mar
e fomentas meu caminho feito paz...
onde o sol cansado à noite vai deitar,
engravidando em sorriso as manhãs.

Os teus olhos, deviam ser estrelas...
para poderem transformar os sonhos...
na delícia dos amores, a horas belas!
Rasgar o negrume, dos dias tristonhos.

Em cada caminhar vejo teu semblante
que alicerça a minha vida errante,
no vácuo do meu mundo, sem idade!

Na corada mentira, remota como a vida,
serás a nave azul na hora prometida...
ficarás no tempo... ancorada na saudade!!...

Germany 08-04-08