NÃO TE ESCONDAS!...

Ferdinando©

 

Nesse amor, escondido atrás da vida

Continuamos a sonhar de peito aberto,

Numa saudade que chora prometida

E irmana nossa voz sempre mais perto.

 

Ardia em nós uma força desmedida

Como o sol queimando no deserto,

Onde o calor da paixão se faz perdida

Num prazer, que namora cada gesto...

 

Cada dia, irei bater à tua porta

Vestido no nascer da hora morta,

Quando desejos se tornam insolentes!

 

No palácio onde habitam os desejos

Vive a loucura, nascida dos teus beijos

E o teu olhar, é janela das nascentes...

 

Germany 17-04-09