RETALHOS
©Ferdinando

A vida é aparência árdua sem entendimento,
nos corações feitos em retalhos de sonhos...
flagelo como nas ruas sem crepúsculo,
em desenho delíquio, sobre janela escura!!

O sol sobre o ombro obscuro da saudade,
na paisagem em restos de nada, como
o luar que volta com o negrume do anoitecer...
choravam pétalas que formaram meu jardim
num festivo aparente copiado de ilusões...

Retalhos que adornaram o sonhar deste meu ser
em restos, que se estendem em meu fantasiar....
me prometem hoje o namorar, horas de esperança,
num renascer, de gestos feitos de amanhecer
agasalhados no calor da manta tecida no tempo!!!!

Germany 23.09.07