SÓ MENTIRA...
©Ferdinando
 
A verdade existe sobre a noite do nosso olhar
asseada de mentira, que magoa os ledos dias!...
Império demente que apregoa novo despertar
no negrume tenso, das noites mais sombrias.
 
Presságio das rotas onde o sonho vai cansado,
sementes de musgo, ficadas no seio dos astros
coloridas borboletas bebendo o sol magoado
como ventos, que correm a chorar nos mastros
 
Tudo é enigma da noite na sombra dos videntes
caudal que caminha no desenho das vertentes...
sob o manto das estrelas, na mudez da escuridão!
 
Voamos... sobre margem da palavra desvairada
num amor que se divisa, em vida terminada
fonte que emudece no finar de uma razão!!
 
GERMANY 05-07-08